Pages

Ads 468x60px

domingo, 14 de julho de 2013

Os 5 Astros do Rock Mais Bizarros


5 - Marilyn Manson: Segue o Estilo Gótico Rodeados de lendas algumas nunca se comprovarão se são verídicas ou Não. Há Boatos de que ele tenha feito uma cirurgia para extrair um costela para fazer sexo oral nele mesmo. Manson já fumou ossos humanos Fato Confirmado pelo mesmo Dizem que em seus shows ele se rasga com objetos Cortantes,Rasgar Bíblias Etc...




4 - Wendy O Williams: A Primeira Mulher  "Bizarra da Nossa lista", Conhecida Por Quebrar aparelhos em seus shows e por suas performances extravagantes mais o melhor é quando ela tirava a roupa em seus shows e na maioria das vezes se masturbava.







3 - GG Allin: É mais conhecido por sua apresentações do que por suas músicas no qual ele  defecava no palco comia a merda e depois passava em seu corpo rosto Etc... Ás vezes jogava na plateia gostava de ficar pelado nos shows há boatos de que ele fez sexo com o cadáver de um gato se cortava  objetos em seus shows como vidros,batia com objetos nele mesmo Podem encontrar os shows dele no youtube.

2 - Dead: Vocalista Da Banda "Mayhem" Antes de se apresentar nos shows deixava suas roupas enterradas no cemitério junto ao um cadáver que ainda tinha os vermes Durante os Shows. Costumava levar um corvo morto nos shows segundo ele para sentir a essência da morte gostava de se cortar com vidros e objetos cortantes em 8 de Abril de 1991 Dead se Suicidou cortando os pulsos e com um tiro em sua cabeça, Foi encontrado por outro integrante da banda que achou uma carta escrito "Desculpe Pelo Sangue".


1 - Euronymous: Outro Integrante Da banda de Death Metal "Mayhem", Tinha o Hábito bem incomum de queimar igrejas o mais bizarro e macabro foi ao encontrar o seu "Amigo" Dead morto ao invés de ligar para a policia ou emergência correu para uma loja e comprou uma câmera e tirou fotos dos cadáver com os miolos para fora e usou como capa de um de seus Álbuns não satisfeito resolveu fazer uma sopa com os miolos do vocalista Foi assassinado a facadas pelo baixista Varg Vikernes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário